Marqueteiro do PT será interrogado pelo juiz Sérgio Moro

politica18071456_gdO marqueteiro do PT, João Santana, será interrogado pelo juiz Sérgio Moro na próxima quinta-feira. Ele é réu de uma ação penal decorrente da 23ª fase da operação Lava Jato.

Os seis réus do processo serão ouvidos nesta semana pelo juiz Sérgio Moro – entre eles, o casal de publicitários João Santana e Mônica Moura. A primeira audiência será amanhã, com interrogatório de dois acusados que são delatores da Lava Jato: o ex-presidente da Sete Brasil, João Ferraz, e o ex-gerente da Petrobras, Eduardo Musa.

Na quinta-feira, os outros quatro réus vão prestar depoimento: João Santana e Mônica Moura, além do operador e colaborador Zwi Zkornicki, e o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, já condenado na Lava Jato a mais de 20 anos de prisão. A denúncia trata de crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Esse será o primeiro depoimento do marqueteiro do PT ao juiz Sérgio Moro desde que foi preso, em fevereiro. Atualmente, Santana está no Complexo Médico Penal, em Pinhais. A esposa dele está na Penitenciária Feminina de Piraquara. O casal é acusado de manter sete milhões e meio de dólares em uma conta secreta na Suíça. O Ministério Público acredita que o dinheiro veio da corrupção na Petrobras. Os publicitários negam e dizem que receberam os recursos por serviços prestados em campanhas eleitorais no exterior.

Os depoimentos dos réus fazem parte da etapa final do julgamento do processo. Depois disso, o juiz abre um prazo para apresentação das alegações finais das defesas e do MPF. Em seguida, sai a sentença com absolvição ou condenação dos réus.

Fonte: UOL notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: